James Brown, conhecido também como ‘Mr. Dinamite’, nasceu em 3 de Maio de 1933 em Macon, Geórgia, nos EUA, numa família miserável de um bairro pobre. Viveu, desde muito pequeno, com uma tia (Minnie) que comandava um prostíbulo. Isto o obrigou a desempenhar desde a adolescência todos tipos de trabalhos.


Para sobreviver, recolhia restos de carvão que caiam dos trens e, dos cestos de lixo das tendas da cidade, sobras de comida. Freqüentou uma das poucas escolas para negros que existiam na época. Alguns professores primários o incentivaram a desenvolver suas habilidades para o canto.

As melodias religiosas foram sua primeira influência. Adquiriu grande desenvoltura nos corais da igreja ou cantando para alegrar soldados que passavam pelo local. As primeiras músicas que compôs já demonstravam a mistura entre o Gospel e o Blues. Com dezessete anos, no entanto, foi preso por roubo a mão armada e cumpriu mais de três anos de detenção num reformatório.

Um grupo gospel, o “Starlighters” passou a contar com a presença de Brown a partir de 1953. Sua entrada foi fundamental para que a banda mudasse de nome e de estilo musical. O “Starlightears” se transformou em “Famous Flames” e migrou do gospel para o blues.

“Please, please, please”, de Brown, foi lançado, ainda pelo grupo, em 1955. O disco vendeu quase um milhão de cópias. O primeiro disco solo, “Try me” surgiu três anos depois. Um grande concerto realizado em 24 de outubro de 1962, no Teatro Apollo, de Nova Iorque, deu origem ao disco “Live at The Apollo”.

Êxitos passaram a ser uma constante na carreira de James Brown desde então, tanto com a banda, quanto na carreira solo. A voz gutural e a performance cênica são marcas registradas do estilo Brown de cantar. Com essas características arrebatou fãs e criou uma maneira, copiada até hoje, de interpretar.

Nos anos 80 suas aparições mais marcantes foram em concertos. Nesse período também fomentou a rivalidade entre “Prince” e “Michael Jackson” aos quais considerava seus prováveis sucessores. Em 1986 publicou sua autobiografia.

Complicações com a justiça acompanharam James Brown por toda a vida. Um dos episódios mais lembrados foi quando ameaçou com um revólver e um rifle um grupo de pessoas que invadiram sua propriedade. Foi perseguido pela policia em vários Estados, preso e condenado por porte ilegal de armas e drogas.

Em 1988 foi preso por agredir a esposa e por consumo de drogas. Condenado a seis anos de detenção, cumpriu metade da pena. As manchetes culturais e as manchetes policiais alternavam-se com a velocidade com que suas músicas atingiam sucesso. Em 1991, depois de libertado, retomou sua carreira com a gravação de “Love Over-Due”. Sua dedicação à música rendeu-lhe a premiação do Grammy de 1992.

Adrienne, sua esposa – agredida – pediu, desesperada, ajuda para a polícia e foi hospitalizada em plena madrugada. Novamente detido, dessa vez por violência conjugal, foi liberado depois de algumas horas, mas a notícia de mais uma prisão dominou as páginas dos jornais do dia seguinte. Em 1996 perdeu Adrienne durante uma cirurgia estética, acidente que causou alvoroço na imprensa.

A dependência de drogas foi constante tormento e fez James Brown internar-se numa clínica de desintoxição em 1998. Logo após sua saída, contudo, porte ilegal de drogas e de armas levaram-no, outra vez, à detenção.

Na última década de sua vida, fez pontas nos filmes “Blues Brothers 2000” e “The Tuxedo” – ele já havia feito participações em diversos filmes anteriormente -, além de realizar, em 2005, duetos com artistas populares como Will Young e Joss Stone, além do dueto que gravou com Annie Lennox, para o novo álbum da cantora.

No ano de 2006, James Brown seguiu com a turnê “Seven Decades Of Funk World Tour”, que passou por diversos países. Em dezembro deste mesmo ano, aos 73 anos, o pai do Soul falece depois de ser internado com pneumonia. A agenda do cantor tinha apresentações marcadas até o mês de agosto de 2007.

Fonte Canal Pop


Para dar um respiro deixo mais um presente !!!!!

By Mr Funky Sampa

James Brown Live At Chastian Park

1. COLD SWEAT

2. DOING IT TO DEATH

3. GEORGIA ON MY MIND

4. GET ON THE GOOD FOOT

5. GET UP OFFA THAT THING

6. GIVE IT UP OR TURN IT LOOSE

7. HOT PANTS

8. I CAN’T STAND MYSELF (WHEN YOU TOUCH ME)

9. I GOT THE FEELING

10. I GOT YOU (I FEEL GOOD)

11. IT’S A MAN’S, MAN’S, MAN’S WORLD

12. IT’S TOO FUNKY IN HERE

13. JAM

14. PAPA’S GOT A BRAND NEW BAG

15. PLEASE, PLEASE, PLEASE

16. TRY ME

17. A MAN AND A WOMAN (UN HOMME ET UNE FEMME)

Link Original